Resenha: Ela disse, Ele Disse de Thalita Rebouças

(Obs: não sou eu na foto)

OiOi Gente!

Hoje vou fazer uma resenha de um livro que eu li ontem. Estou completamente apaixonada e claro que vou dividir com vocês.


A resenha de  hoje vai ser sobre o livro ELA DISSE, ELE DISSE  de Thalita Rebouças. Para todos os efeitos Thalita é famosa por escrever livros Teens, com o sucesso das séries "Fala Sério", "Uma Fada veio me Visitar", "Tudo por uma Namorado" e "Traição entre amigas"


SINOPSE:"Amizade, futebol, paixões, ciúme, bullying e as armadilhas da internet são alguns dos ingredientes que dão sabor a essa história com dois narradores e dois pontos de vista. Em seu primeiro livro a ter um menino como protagonista, Thalita Rebouças mostra a mesma sensibilidade e bom humor para captar o universo adolescente masculino quanto revela em relação ao mundo das meninas. Alternando as vozes de Rosa e Leo, ambos adolescentes de 14 anos novos no mesmo colégio, Ela disse, ele disse é um divertido romance que mostra como meninos e meninas podem sentir as mesmas coisas, mas pensar e agir de modo muito diferente. Por muito pouco, a timidez de um pode virar antipatia na cabeça do outro; por outro lado, uma reação mais alegre e espontânea corre o risco de ser interpretada como “mole” pelo sexo oposto. Não é à toa que, do alto dos seus 14 anos, Rosa conclui que “garotos são feitos de outro tipo de massinha”. Mas apesar de todas as diferenças, os olhares desses dois filhos únicos de pais separados insistem em se cruzar desde o primeiro dia de aula na escola Dinâmica. Ele foi logo puxando conversa com ela, deslocada no canto da sala. “Ai, que fofo”!, pensa Rosa, já certa de que Leo, além de muito educado, estava superinteressado nela; mas tão rápido e descolado quanto demonstra ser para se aproximar, não pensa duas vezes antes de dar as costas à garota e se juntar à ala masculina da turma para integrar o time de futebol na hora do recreio. “Garotos... humpf”!.
 Para Leo, no entanto, tudo é muito simples: “Tinha uma carteira vazia perto da janela e fui direto para lá. Para evitar ficar calado e com cara de desentrosado, puxei logo papo com uma menina que parecia estar sozinha”. E quanto ao convite para o futebol, bem, existe outra resposta possível para um garoto neste caso a não ser um objetivo e certeiro “Tô dentro”? “No vestiário, depois da pelada, eu já me sentia parte do grupo”, revela; enquanto Rosa fica tentando entender por que os meninos viram melhores amigos em questão de segundos quando esta palavrinha mágica chamada futebol entra em campo.
 Temas como amizade, bullying, respeito às regras e a relação entre pais e filhos também estão presentes no livro, abordados com a naturalidade e a descontração características da autora. E como num quebra-cabeça em que cada peça se encaixa perfeitamente à outra, a narrativa se desenrola revelando, com ritmo e bom humor, os sonhos e angústias de meninos e meninas diante de cada situação, com direito a passagens hilárias causadas pela difícil comunicação entre os sexos. "

Minha Opinião:

Este livro da Thalita com certeza é um dos melhores livros que eu já li dela. Assim que se começa a ler você sente uma vontade imensa de saber o final.  Não sei se consigo pensar que esse livro seja um romance, mesmo que seja, acho que é um drama adolescente perfeito. É da forma como nós meninas pensamos e acho que a forma que os meninos pensam. Realmente, esse livro foi maravilhoso, considero este livro o meu livro preferido, da ilustre Thalita Rebouças. Acho, que ela colocou  tudo o que nós adolescente sentimos em relação a sentimentos e relacionamentos. Tudo na dose certa. Não tem nem como descrever um livro, que se passa tanto no nosso dia-a-dia. Rosa e Leo, são meus queridinhos, porque sério, que casalsinho, que tinha tudo pra nunca funcionar, de uma para a outra tão perfeitos juntos.

Feliz esse livro tem continuação com a participação do Mauricio de Sousa, legal néh? Confere:



Como eu ainda  não li a continuação, vamos todos ficar na curiosidade para saber o que a turma da mônica vai aprontar. 

Beijos




Nenhum comentário:

Postar um comentário