Eu não sei o que quero


A questão é que ao mesmo tempo que quero tudo, não quero nada.
Em um dia, quero ter o melhor emprego do mundo, ser bem sucedida e afins.
No outro dia, quero apenas ter o suficiente para poder conhecer o mundo e viver altas aventuras.
Depois quero somente aproveitar o agora, sem me preocupar com o futuro, porque quando o futuro chegar talvez não vou me dar conta e vou continuar pensando em algo presente.
Somos tão pressionados a fazer grandes coisas, que não estamos dando atenção para as pequenas coisas que fazemos.

Nós estudamos por mais de 13 anos para passar em um vestibular, para estudarmos mais de 4 anos, para concorrer a uma vaga de emprego que nem sabemos se vamos conseguir e se conseguimos, será que valeu apenas estudar por mais ou menos 20 anos por um salário? Só porque falaram para nós que era isso que deveríamos fazer? Será que é isso que devemos fazer? O que queremos fazer?

Todos os dias eu mudo de sonho. Eu sei meus talentos. Mas não sei aonde quero aplica-los. Não sei se espero estar bem sucedida profissionalmente para poder viajar o mundo. Ou se viajo o mundo, sem ter nenhuma amarra na cidade natal e só depois me preocupar com o emprego.

Eu só sei que, a vida é muito curta para nos preocuparmos com salários, inventaram o dinheiro para facilitar a vida, não para que ele a furtasse.



2 comentários:

  1. Nossa me identifiquei,disse tudo o que sempre quero explicar as pessoas,e as vezes parece tão complicado.
    Me senti aconchegada com esse cantinho
    Beeijos ;*
    http://melissamorei.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico feliz que tenha gostado, é bom saber que há mais pessoas que se sentem da mesma maneira que eu!
      Beijos!

      Excluir